quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Em dezembro...

Já estamos montando a programação. Só gente boa!! Aguarde!!

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

CONVOCATÓRIA VOLUNTÁRIA

Recado do ator Luiz Carlos Cardoso:

"Amigos, na próxima semana começo a oficina de Leituras Dramáticas com os alunos do Ponto de Cultura "Escola de Teatro Darlene Glória". Por dois meses, estarei produzindo com esses jovens algumas leituras para uma apresentação final no Centro de Cachoeiro.

Essa ação faz parte do IV Festival de Leituras Dramáticas Capixabas cujo projeto foi aprovado pelo edital 040/2013 da Secult.

Para o desenvolvimento desse projeto, preciso de textos infanto-juvenis escritos, NECESSARIAMENTE, por algum autor CAPIXABA. Estritamente capixaba!!! Caso você tenha um texto que não o considere infanto-juvenil, mas ache que seria muito interessante vê-lo sendo dito por um jovem de 16, 17 anos, mande o texto também.

Pode ser poesia, crônica, artigo, prosa, trecho de algo maior, enfim... NÃO PRECISA SER INÉDITO!

Não será pago nenhum valor ao autor do texto pela sua utilização no projeto. A participação é voluntária e implica na qualificação desses jovens que estão crescendo na arte através do teatro.

Enviem o(s) texto(s) até o dia 22/10 para o email anonimosdeteatro@gmail.com

Muito obrigado e CONTO COM VOCÊS!!!"

A CULPA em Vitória/ES

Nosso espetáculo em dose dupla nesta semana em Vitória/ES.
- Dia 21, às 19h, estamos no Teatro do Sesi.
- Dia 22, às 20h, estamos na Má Companhia.

Tudo gratuito!! Está em Vitória? Aparece!!!



quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Direto do Chile: oficina e apresentação estreitam relações entre teatreiros

Com a oficina "O ator criativo no ato cênico" e o espetáculo "A Culpa", estivemos na cidade de Illapel, ao norte do Chile, de 30 de setembro a 04 de outubro. O intercambio gerado entre o grupo e a Casa de Cultura da Municipalidade da cidade proporcionou uma capacitação cênica a 25 alunos de Liceus da cidade. Nas aulas, jogos teatrais que proporcionam um novo ponto de vista criativo através da expressão corporal e das sugestões oferecidas por teóricos como Grotowisk, Ferracini, Barba, Stanislavski, Spolin e até mesmo pelos próprios alunos, que carregam no corpo e nos sentidos os jogos e costumes de seus povos e regiões.

Ao final, a apresentação de A CULPA lotou o teatro da cidade, que prestigiou a obra dirigida por Carlos Ola (Grupo de Teatro Gota, Pó e Poeira) e Jeremias Schaydegger (Núcleo Cachoeirense de Dança). Uma experiência inesquecível. Confira as fotos!!

Registros das aulas








Cenas de 'A Culpa' na Casa de Cultura de Illapel





Certificação dos alunos participantes da oficina





quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Novas ações em vista!!!!

O Grupo Anônimos de Teatro teve dois projetos aprovados recentemente pela SECULT através dos seus editais de cultura. 


IV FESTIVAL DE LEITURAS DRAMÁTICAS CAPIXABAS
Projeto aprovado pelo edital 040/2013 da SECULT/ES e único do gênero no Estado traz a Cachoeiro de Itapemirim a continuação dessa ação que valoriza a dramaturgia capixaba. De graça, na praça! Brevemente...



AQUILO QUE CACHOEIRO ME CONTOU...
Projeto aprovado pelo edital 021/2013 da SECULT/ES e que comemora os 5 anos do Grupo Anônimos de Teatro. Vem espetáculo novo por aí!

Oficina de Jogos Teatrais II é sucesso!!

Através da ASTECA - Associação Teatral de Cachoeiro, em parceira com o Ponto de Cultura Escola de Teatro Darlene Glória, a segunda parte da oficina de Jogos Teatrais tem sido um sucesso!! Participantes de todas as profissões e idades que nunca haviam tido contato com aulas de artes cênicas desenvolvem seu senso crítico e criativo com exercícios corporais e de valorização da sua auto-capacidade.

Nessa segunda parte - a primeira teve como professor o ator Luiz Carlos Cardoso - a oficina de Jogos Teatrais II trabalhou a leitura para o despertar da criatividade com a gramática teatral desenvolvendo o senso crítico. O desenvolvimento interpretativo foi trabalhado através de textos sugeridos pela oficina com a sugestão de que nasça uma criação entre o texto e o indivíduo. A partir de jogos, da espontaneidade, da integralização e da ressignificação, pretendeu-se despertar uma leitura pessoal, íntima, levando em consideração o repertório/conhecimento de mundo de cada aluno. Exercitar a construção do pensamento por meio das múltiplas linguagens. Oportunizar práticas de leitura e escrita, visando à formação do cidadão crítico.

Ministrada pela atriz do Grupo Anônimos de Teatro, Isabel Bremide, os alunos tem se mostrado entusiasmados e dispostos a continuar mantendo contato com o teatro e com todas as manifestações artísticas. Nas fotos abaixo, imagens do exercício de corpo e maquiagem através da estética clown.